Testemunho: Joana Ribeiro

Testemunho: Joana Ribeiro

Sou a Joana, sou de Guimarães e ainda me considero uma iniciante neste meio de coachees bem focados e preparados.

Entrei há relativamente pouco tempo, contudo numa fase de mudança significativa da minha vida. Foram dois (talvez três) os motivos. Primeiro porque procurava algo diferente de qualquer outra modalidade que já tinha experimentado. Segundo, porque, por motivos de saúde, devo particularmente praticar exercício. Terceiro, e talvez relacionado com os motivos anteriores, porque sentia que precisava de um incentivo externo para além da minha motivação interna (muito em baixo quando iniciei).

Uma das coisas que me faz sentir bem com a prática de exercício é o facto de este me permitir descomprimir física e emocionalmente quando puxa pelo meu corpo. Não estava a conseguir isso com outras metodologias.

Decidi experimentar a box aconselhada por uma colega de trabalho que também pratica CF e me sugeriu a 5.7CF como uma referência em Guimarães.

A verdade é que, mesmo considerando-me um pouco reservada até conhecer e ter alguma confiança com as pessoas, fui e sou sempre recebida com um sorriso, não só pelos coaches, mas também por todos os colegas.

Com o decorrer do tempo fui sentindo que o CrossFit foi de encontro aos meus objetivos relacionados com a prática de exercício, e também encontrei um ambiente envolvente com pessoas prontas a ajudar e a dar o incentivo extra. E vale a pena. Vale a pena porque chego ao final do treino com a sensação de leveza e de que preciso de voltar para sentir que sou capaz, ao meu ritmo, mais uma vez, e que há pessoas que estão prontas a dar um empurrão quando achamos que já não conseguimos mais.

Acho que é percetível que não faço isto por competição, mas porque considero esta modalidade um estímulo extra no meu bem-estar, que me ajuda a chegar ao final do dia mais leve, com um sentimento de superação física e psicológica (mesmo não atingindo os tempos e objetivos estipulados em cada treino), e também de gratidão, por estar onde estou e com as pessoas que me rodeiam.

Entrei na 5.7CF numa fase de desilusão e frustração a nível profissional, uma vez que, por vários motivos (inclusive de saúde), não consegui alcançar um objetivo que tinha há muito tempo, e porque não estava bem com o trabalho que exercia. Neste momento, essa mudança é positiva e deve-se também a pequenas coisas que vi, ouvi e gravei neste lugar.

A 5.7 não é só uma box onde se pratica CrossFit e se compete. É também, e isso é uma das coisas que mais fazem a diferença, uma comunidade onde todos são recebidos de forma calorosa, com um sorriso e se entreajudam mutuamente.

As pessoas fazem sempre a diferença, em qualquer lugar, para além de qualquer modalidade de exercício aconselhável.